Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Crónicas da Cidade dos Leões

Um blog que adora partilhar dicas e reflexões sobre lifestyle, descobertas e organização. Sejam Bem Vindos!

Crónicas da Cidade dos Leões

Um blog que adora partilhar dicas e reflexões sobre lifestyle, descobertas e organização. Sejam Bem Vindos!

3 Boas Razões de Festejar o Halloween

O Halloween é uma festa que nos foi trazida da América do Norte e que hoje em dia é um incontornável do Outono um pouco por toda a Europa.

Por ter um carinho especial por esta festa e excelentes memórias de longos anos de festejos partilho convosco três boas razões de também a festejarem desse lado, sobretudo em famílias onde há crianças e adolescentes. 

Se vive numa região onde a tradição do "bolinho" ainda está presente (o que não é o caso da região de onde sou natural) os argumentos podem ser exatamente os mesmo, apenas com alguma adaptação.  

 

- Tempo útil passado longe dos ecrãs: 

O Halloween é uma daquelas festas que motiva a pequenada. E é também uma excelente ocasião para os tirar da frente dos ecrãs e os implicar na organização da festa, seja na decoração da mesa, na preparação das refeições ou na confessão dos disfarces. 

 

- Estimula a criatividade: 

Quem diz decoração, disfarces, refeições "assustadoras"  ou mesmo partidas diz forçosamente criatividade e imaginação a funcionar. É também uma excelente forma de fazer perceber aos pequenos que sem até uma pequena comemoração familiar exige planeamento, trabalho e investimento para acontecer. 

 

- Alegria e Bom Humor: 

A vida nem sempre é um mar de rosas e, por isso mesmo, parece-me fundamental aproveitar todos os pequenos momentos para criar grandes memórias que serão o nosso principal "combustivel" na hora de atravessar as tempestades. E também porque alegria e bom humor são sempre boas fontes de energia para os nossos dias.

 

E por aí têm o hábito de festejar Halloween? Qual a vossa boa razão para o fazer?

Um grande beijinho e até ao próximo post!

cala-i2aFnaZ31Cg-unsplash.jpg

 

 

Receber para o Lanche

Com os dias mais frescos, a vontade de ficar mais por casa aumenta. Mas isso não significa que não vejamos os nossos familiares e amigos. Antes pelo contrário, pode ser uma excelente oportunidade de convidar as "nossas pessoas" cá para casa.

Sempre cresci num ambiente onde "há sempre um prato para mais um" e isso faz com que receber visitas seja algo natural. 

Mais tarde, devido à minha curiosidade assumida pelas "arts de table" e questões de protocolo e boas maneiras assim como uma tendência natural para filosofias "de vida" como o hygge dinamarques fizeram com que me apaixonasse verdadeiramente pelo ato de receber. 

No entanto sei que nem toda a gente, seja por falta de hábito ou por excesso de perfecionismo, se sente à vontade no momento de receber visitas e a ideia deste post é exatamente "desmistificar" isso. 

Em primeiro lugar devemos ter em mente que não precisamos nem de um serviço de porcelana ao melhor estilo do Palácio de Buckingham nem ter um mordomo. É a vontade de honrar as "nossas pessoas" que mais importa assim como um certo orgulho no que se tem e se é, mesmo quando esse "tem" nos parece pouco.

Quando pensamos em convidar devemos refletir a quantas pessoas podemos acolher e com que intenção o fazemos. Por exemplo se queremos pôr a conversa em dia com as amigas e temos 3 lugares sentados no sofá mais vale convidá-las apenas a elas, deixando os possíveis respectivos companheiros e filhos para uma próxima oportunidade, provavelmente cada família na sua vez. 

Outra coisa a pensar é "onde servir o lanche"? Se a ideia for uma mesa farta, à boa maneira portuguesa, talvez a mesa da cozinha ou da sala de jantar são as melhores apostas. Se voltarmos ao exemplo anterior do lanche com as amigas, a mesa da sala será totalmente apropriada, com a vantagem de que torna o momento mais acolhedor e confidencial.

No que toca ao lanche propriamente dito chá e café serão mais do que suficientes, assim como um bolo e alguns chocolates ou frutos secos. Se como bons portugueses um salgado vos faz falta ao lanche não se acanhem. No que toca a lanche "vossa casa, vossas regras". 

Engane-se quem acha que louça especial é necessária para receber. Se tiverem algum serviço de chá ou uma qualquer prenda de casamento ou "de enxoval" guardada dentro do armário não se privem de a usar mas senão a vossa louça de todos os dias será perfeita. 

Pessoalmente sou muito sensivel aos pormenores e acho que vale a pena apostar em pequenos esforços como uma pequena decoração de mesa (em modo DIY serve perfeitamente) e uma toalha limpa e engomada. A comida servida pode ser do comércio sem problema nenhum mas acho que deve ser retirada das embalagens e servida num prato ou taça. Pode parecer coisa pouca mas estou convencida de que tudo fica mais apetitoso e os convidados ficaram sensibilizados por esse esforço adicional.

A música baixa e algumas velas acesas, sobretudo nestes meses mais frios, também ajudam tornar o ambiente ainda mais acolhedor. E não é isso o mais importante?

E por aí, quando tiveram visitas para o lanche pela última vez?

sincerely-media-ROB_FRyR2ao-unsplash.jpg

Foto de Sincerely Media na Unsplash

 

 

Inspirações de Outono - Versão 2023

O Outono é, desde há alguns anos para trás, a minha estação preferida do ano. E uma das grandes razões disso é que, depois da euforia da época estival, sabe bem voltar a um ritmo mais tranquilo e confortável. 

 

Para mim Outono rima com cores quentes, com velas, mantas e arranjos naturais, de preferência feitos com tesouros naturais encontrados durante os passeios. Os bolos caseiros, as bebidas quentinhas e o cheiro a castanhas e a canela dão -lhe um cheiro especial, à mesa e fora dela. 

 

O que me proponho a trazer-vos hoje é uma pequena compilação de inspirações para decorar a casa para esta estação. Se quiserem ver mais não deixem de passar pela versão 2022 deste tema!

 

E desse lado gostam de decorar a casa em função das estações do ano? Qual a vossa inspiração preferida?

 

Ressalvo a ideia de que não, não é preciso comprar nada de propósito. O que é preciso é trazer mais conforto e "quentinho" à decoração de forma a que nos sintamos ainda melhor dentro de nossa casa e não precisamos de gastar necessariamente dinheiro com isso.

radisrose.fr.jpg

Fonte: radisrose.fr

hikendip.com

Fonte: hikendip.com

284a3aca2ee19ed02b976b914d6fd53f.jpg

 

amzn.to.jpg

Fonte: amzn.to

tangerinezest.com

Fonte: tangerinezest.fr

 

 

 

Bucket list de Outono

Já vos falei seguramente disso por aqui mas adoro o Outono. O Cheiro a canela, as cores da natureza e os primeiros dias mais fresquinhos.

Por gostar tanto desta altura do ano tenho sempre uma pequena lista de coisas que tenho vontade de fazer. E é essa lista que partilho convosco hoje.

 

Testar uma receita de Cinnamon Rolls:

Estes bolinhos de canela são deliciosos e rimam perfeitamente com os dias mais frios. Nesta estação gostava de experimentar confeccioná-los em casa. Depois dou-vos notícias ;)

 

Apreciar as cores de Outono:

Passear em bosques, nas vinhas coloridas ou nas montanhas são sempre ótimas atividades para os Sábados e Domingos à tarde e no Outono com as suas maravilhosas cores torna-se ainda mais bonito. Por isso toca a largar o telemovel e a ir passear, nem que seja no Parque ao lado de casa.

 

Decorar a casa para o Outono:

Se decidirem aproveitar a ideia anterior tragam bolotas, castanhas, pausinhos ou folhas e criem o vosso centro de mesa outonal. É barato, exige pouco trabalho e dará muito mais conforto e cor à casa. Se a ideia vos interessar conto publicar na próxima semana as minhas melhores inspirações de decoração de Outono, não a percam ;)

 

Ler um livro acompanhada de uma manta e um chá quentinho:

Este sonho de Outono é dos mais fáceis de realizar. E eu estou disposta a usar e abusar dele por estes lados. E por aí existe alguma pilha de livros pronta para estes dias?

 

Receber amigos para o lanche:

Receber amigos em casa é algo que caiu um pouco em desuso. Preferimos marcar um café na rua ou então nem nos lembramos disso. Mas receber amigos em casa é uma ótima forma de os honrar e de criarmos laços ainda mais estreitos. E um bolo caseiro e uma mesa cuidada são suficientes para que o momento seja excelente. A ideia interessou-vos?! Ainda bem porque conto fazer um post também sobre o assunto...

 

E para vocês que elementos fazem parte da vossa bucket list de Outono?

chris-lawton-5IHz5WhosQE-unsplash.jpgPhoto de Chris Lawton sur Unsplash

Inspirações de Outono

Os dias começam, aos pouquinhos, a diminuir e o calor a abrandar. E por aqui já ando atrás de ideias para a decoração de Outono cá de casa.

Porque adoro as suas cores,os seus cheiros e o aconchego que trás às nossas cartas. Espero que gostem. ❤️

 

miss-mv-560x699.jpeg.webp

imagem pipcke.fr

mode-and-the-citu-560x840.jpeg.webp

imagem modeandthecity.fr

 

 

ava.jpeg.webp

IMG_2113.jpg

imagem pipcke.fr 

1440x1800.jpeg

imagem modeandthecity.fr 

 

 

E por aí, qual é a vossa inspiração favorita? Gostam de decorar a casa para o Outono? 

Um grande beijinho e até ao próximo post. 

 

 

5 Coisas a fazer neste Outono

Há medida que fui amadurecendo o Outono passou a ser a minha estação do ano preferida. As suas cores e cheiros característicos tão diferentes do alegre Verão e da melancolia do Inverno associada ao eterno recomeço do regresso às aulas tornam-no bastante especial aos meus olhos. 

E nesse sentimento de acolher e desfrutar desta época do ano como se deve criei os meus próprios rituais de Outono que repito com prazer todos os anos. 

E são eles que hoje vos trago para que nos inspire a aproveitar desta época mágica e de transição. 

- Decorar a casa com cores de Outono: A decoração de Outono é barata e de fácil acesso. Pinhas, castanhas, folhas de cores outonais... Tudo serve para trazer as suas cores para a nossa casa e a tornar ainda mais acolhedora. 

- Festejar o Halloween: Aqui em casa não perdemos uma oportunidade de festejar e o Halloween é mais uma ocasião divertida para passar um momento em família e amigos à volta da mesa, tanto. como nós gostamos.

- Apreciar as cores de Outono: Não há nada mais outonal e belo do que um passeio no campo e apreciar as cores das árvores.

- Cozinhar: O Outono é a altura propícia para fazer aquele bolo ao Domingo à tarde e desfruta-lo em família.

- Aproveitar as noites mais longas para desligar os ecrãs e aproveitar uma música ambiente ou um bom livro

 

E por aí quais são os vossos grandes prazeres de Outono?

Um grande beijinho e até ao próximo post. E sobretudo um Outono feliz 🍁

IMG_20221005_113135.jpg

Foto própria: Lapalisse, França - Outubro de 2022

Paixão Jogos de Sociedade

Cá em casa estamos cada vez mais fãs de jogos de sociedade. Não temos uma grande coleção mas já dispomos de alguns jogos e, mesmo a dois, é uma ótima maneira de passar um serão tranquilo. 

Eles ajudam-nos a desenvolver valores como empatia, capacidade de negociação, estratégia e gestão de conflitos e, quando devidamente adaptados às idades, podem ser jogados e divertir juntos miúdos e graúdos. 

As opções no mercado são bastantes e há jogos para todos os gostos e estilos. Desde os mais manuais, como o Jenga, aos mais competitivos como o Monopoly ou aos que exigem mais reflexão como Cluedo ou Trivial Pursuit

Com o aproximar do tempo frio estes podem ser ótimas opções para nos distrair por casa e se os preços nem sempre são "convidativos" é um investimento a longo prazo e as horas de convivialidade que nos trazem são bastante rentáveis. 

E por aí, gostam de jogos de sociedade? Quais os vossos preferidos? 

Um grande beijinho e até ao próximo post!

justin-MCZ_5m7KWpc-unsplash.jpgPhoto by Justin on Unsplash

Não te esqueças de acompanhar as Crónicas da Cidade dos Leões no Instagram e no Facebook: há muita coisa a acontecer por lá.

Se por acaso o conteúdo deste texto te agradar não deixes de o partilhar com familiares e amigos.

10 Boas Razões de Amar o Outono

O Outono ganhou, nos últimos anos, o título de "minha estação do ano preferida". 

Se é verdade que as estações quentes são mais alegres, que a chuva é incomodativa e tudo o mais, consigo encontrar mil coisas que amo nesta estação. 

Hoje deixo-vos aqui dez delas. Espero que vos inspire a apreciar ainda mais este período do ano. 

 

- O regresso dos dias mais frescos, mas não excessivamente frios; 

- As primeiras tardes acompanhadas por um bom livro, uma manta e uma bebida quente; 

- As cores que pintam as árvores; 

- O cheiro a tarte de abóbora e a castanhas assadas; 

- O som da chuva a cair lá fora; 

- O aconchego das roupas mais quentinhas; 

- O começo ou recomeço de algumas das nossas séries de eleição;

- A volta dos tons terrosos; 

- A desculpa perfeita para momentos tranquilos em casa; 

- O conforto de uma rotina já bem estabelecida depois do regresso de férias. 

 

E por aí, fãs do Outono ou nem por isso? O que gostam mais nesta estação? 

Beijinhos e até ao próximo post!

hugo-l-casanova-NF1aOiXwgsc-unsplash.jpgPhoto by Hugo L. Casanova on Unsplash

Não te esqueças de acompanhar as Crónicas da Cidade dos Leões no Instagram e no Facebook: há muita coisa a acontecer por lá.

Se por acaso o conteúdo deste texto te agradar não deixes de o partilhar com familiares e amigos.

5 coisas "fúteis" que tenho adorado fazer este Outono!

Ora cá estamos nós para mais um post. Desta vez venho falar-vos sobre as 5 coisinhas que tenho adorado fazer nos finais de dia neste Outono, especialmente agora que os dias já estão curtos e as noites cada vez mais frias.

Antes de abordar o tema gostaria, no entanto, de deixar um pequeno esclarecimento: Na passada terça feira publiquei um post sobre o uso de máscaras, desinfeção de mãos e controlo de ansiedade em contexto de pandemia e que me valeu todo o tipo de comentários desagradáveis, cheios de julgamentos e alguns deles mesmo de índole partidária.

Esses comentários foram eliminados não porque me contradizem, aliás existem vários comentários de desacordo com aquilo que escrevo ao longo do blog e que resultaram numa discussão saudável, mas simplesmente porque não admito juízos de valor e faltas de respeito nem na minha "vida real" nem no blog. 

Aqueles que viram o seu comentário eliminado e que se deram ao trabalho de voltar a publicar, horas mais tarde, com a frase "agora censuras os comentários?" tenho a frase perfeita para vos responder: "gente feliz não enche o saco"! Se eu me predisponho a receber críticas quando escrevo posts, quem os comenta também se predispõe a não ser respondido ou ignorado. São as regras do jogo atrás de um computador ou na verdadeira vida!

Quando escrevi aquele texto fí-lo com a responsabilidade e com o conhecimento que o meu papel de profissional de saúde, que está "por dentro" da realidade hospitalar e em contacto direto com pacientes infetados com COVID 19 desde Março, me conferem. E também da familiar ou amiga que se inquieta pelas pessoas que ama e que reconhece que informação a mais e material mal usado são uma combinação difícil de gerir. 

A todos aqueles que gentilmente me chamaram "fútil" (que é um elogio que recebo frequentemente nos comentários maldosos e que mais uma vez aquele post não foi exceção) dedico-vos este texto já que foram vocês que me inspiraram a fazê-lo.

 

E esclarecidos todos estes pontos vamos lá então para as cinco coisas "fúteis" que não dispenso no final destes dias de Outono, porque é desta futilidade que eu gosto! 

 

- Uma boa conversa: a primeira coisa que não dispenso nos finais do dia de Outono são boas conversas (aliás não dispenso em altura nenhuma do ano mas com o aproximar do final do ano elas tomam um caráter mais intimista) por isso entre o meu marido e as amigas tenho conversa que não acaba e ainda bem... 

 

- Livros e mantinhas: Se há coisa das quais não me consigo passar é de livros, da minha mantinha e, por vezes, de uma bebida quente no fim do dia. É tão bom que parece pecado... 

 

- Séries, filmes e programas de televisão que nos permitem sonhar: com ou sem a combinação mantinha estes aqui têm tudo para me fazer feliz... 

 

- Escutar o silêncio: se é bom estar ocupado também e bom não fazer nada, limitando-se a ouvir o silêncio e a apreciar o conforto de casa, o barulho da chuva e sentir-se grato por tudo.

 

- Preparar o Calendário do Advento da Nala 2020: O mês de Dezembro está a chegar e estou a preparar, juntamente com alguns convidados, os posts do calendário de Natal deste ano. Serão 25 posts que serão publicados entre os dias 1 e 25 de Dezembro.

Apesar de a árvore de Natal não estar feita os dias frios fazem-me entrar um bocadinho neste espírito e adoro pensar em cada tema e aproveitar o final do dia para escrever sobre eles. 

 

 

E por aí, quais são as vossas atividades 'fúteis' de fim de dia no Outono. Aquelas que a solo ou em família vos fazem bem? Fico à espera dos vossos comentários! :)

Um grande beijinho e até ao próximo post

nils-schirmer-i_v-GS7ERKs-unsplash.jpg

Photo by Nils Schirmer on Unsplash

Não te esqueças de acompanhar as Crónicas da Cidade dos Leões no Instagram e no Facebook: há muita coisa a acontecer por lá.

Se por acaso o conteúdo deste texto te agradar não deixes de o partilhar com familiares e amigos.

 

 

Como organizar uma Comemoração em casa... em 5 passos!

O Halloween aproxima-se a passos largos... e este ano a grande festa habitual e o pedido de doces de porta a porta foi por água abaixo. 

Por isso, e como acredito sinceramente que mais do que nunca precisamos de encontrar razões para festejar, trago-vos hoje 5 passos básicos para organizar uma pequena comemoração em casa (seja Halloween ou outra razão qualquer). E como a coisa se faz em pequeno comité é ainda mais fácil. Preparados?

- Deixar de lado o perfecionismo: Quando pensamos em festa pensamos em grande decoração e comida deliciosa e em quantidade importante. Mas a verdade é que já é Quinta-Feira e temos um final de semana bem preenchido. E, na maioria das vezes, esta procura pela perfeição seria a desculpa perfeita para abandonarmos a ideia logo à partida. 

Pessoalmente quando penso numa pequena comemoração em casa tento simplificar-me a vida ao máximo. Um jantar um bocadinho mais caprichado, se houver possibilidade disso, mas senão uma coisinhas rápidas compradas no próprio dia ou uma passagem no drive mais próximo de casa... Nada de muito luxuoso, nem caro... apenas algo que seja diferente do habitual. 

Claro que batatas fritas e snacks não são os melhores amigos do nosso sistema cardio-vascular mas também uma única vez no ano não nos vai fazer mal, os miúdos ficarão felizes da vida (e nós também) e ainda teremos a possibilidade de uma refeição tranquila e sem pressas...

Porque nem sempre o que é perfeito é possível e devemos, mais do que nunca, aprender a ser felizes com a nossa imperfeição. 

 

- Pensa na decoração: Halloween sem decoração não é Halloween. E mais uma vez não é preciso grande coisa.

Todos nós temos velas guardadas em gavetas, alguns frascos de vidro de conserva e fitas de tecido ou linha que foram ficando lá por casa. Apenas combinando estes três elementos conseguiremos um ambiente bem propicio a uma festa, seja ela qual for. 

Se tens vontade de fazer um bocadinho melhor podes sempre pesquisar via pinterest: as possibilidades são enormes seja comprando objetos decorativos seja usando material reciclado ou natural. 

 

- Playlist para a ocasião: Uma festa precisa sempre de uma playlist que combine consigo. E se não és bom para DJ não há problema nenhum.

Em plataformas de streeming ou no Youtube circulam uma série de playlists adaptadas a todas as festas possíveis e imaginárias: é só procurar! 

 

- Convivio: O mais importante em qualquer festa é o convivio. E se o tempo passado à mesa é já uma parte importante de um momento comemorativo, assim como uma playlist, pode ser necessário encontrar mais alguma coisa para poder interagir.

Neste caso os jogos de sociedade, os momentos de karaoke ou ler uma história em família (no caso de haver crianças) podem ser optimas opções. 

 

- Divertir-se e apreciar a companhia: 2020 têm-nos ensinado a dar valor a quem vive na mesma casa que nós. Por isso organiza estes momentos com o coração aberto e com o simples objetivo de apreciar um bom momento com quem vive contigo. Não precisa de ser perfeito, nem instagramável.

Apenas precisa de vos divertir e de vos dar a possibilidade de desfrutar de um momento de qualidade, divertido e saudável. 

 

Estas são as minhas dicas mais básicas para organizar uma pequena comemoração, seja ela de Halloween, dos Santos ou de qualquer outra razão. O que me parece importante é aproveitar todas as ocasiões para festejar a vida e criar laços e memórias com aqueles que nos são mais próximos. 

E por aí, qual a vossa relação com pequenas festas caseiras improvisadas? Pensam em organizar alguma coisa para o Halloween, os Santos ou nem por por isso? 

Boas Comemorações e até ao próximo post! 

halloween.jpg

Photo by Paige Cody on Unsplash

Não te esqueças de acompanhar as Crónicas da Cidade dos Leões no Instagram e no Facebook: há muita coisa a acontecer por lá.

Se por acaso o conteúdo deste texto te agradar não deixes de o partilhar com familiares e amigos.

 

 

 

 

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Mais visitados

Arquivo

  1. 2024
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2023
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2022
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2021
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2020
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2019
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub