Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Crónicas da Cidade dos Leões

Um Blog que começou por ser um diário e que cresceu para algo mais. Por aqui os temas vão do desenvolvimento pessoal ao bem estar sempre com dicas e reflexões a propor. Sê bem vindo e se te agrada: segue! :)

Crónicas da Cidade dos Leões

Um Blog que começou por ser um diário e que cresceu para algo mais. Por aqui os temas vão do desenvolvimento pessoal ao bem estar sempre com dicas e reflexões a propor. Sê bem vindo e se te agrada: segue! :)

Dom | 17.05.20

Primeira ida à Cidade (em periodo de desconfinamento)

Nala

Este fim de semana tive de ir ao centro da cidade fazer umas compras de grande necessidade. 

Saímos cedo de casa, de forma a apanhar os transportes públicos mais vazios e poucas filas nas lojas. 

Em primeiro lugar admito que andar de máscara na cara na rua é a coisa mais estranha. Depois os comportamentos deixam sempre a desejar. Quase toda a gente respeita as distâncias recomendadas, é um facto, mas também olham com um ar de inquisição para quem está ao lado. E nem falemos da utilização das máscaras e das luvas na rua porque aquilo é um "Ai Jesus!".

Surpreendeu-me sobretudo as lojas onde havia maior afluência. Salões de beleza e fast-fashion feminino. Mais de 40 pessoas em fila em frente a uma Zara é obra!

E eu que já tinha decidido que este ano as compras seriam bem poucas, não que não precise de roupa e calçado porque o que tenho está pelas ruas da amargura, mas tendo em conta o uso que lhe darei bem posso guardar o que tenho. 

Fiquei bastante surpreendida com este facto... o que até me deu jeito porque na FNAC fui atendida e despachada em dois tempos o que ainda me deixou tempo livre para passear um bocadinho nas ruas menos concorridas neste momento (que por aqui são as dos restaurantes) e apanhar um bocadinho de Sol na cara! 

Nunca ver o Rio Rhône me soube tão bem... 

IMG_20190608_135359.jpg

Não te esqueças de acompanhar as Crónicas da Cidade dos Leões no Instagram e no Facebook: há muita coisa a acontecer por lá.

Se por acaso o conteúdo deste texto te agradar não deixes de o partilhar com familiares e amigos.

 

8 comentários

Comentar post