Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Crónicas da Cidade dos Leões

Um Blog que começou por ser um diário e que cresceu para algo mais. Por aqui os temas vão do desenvolvimento pessoal ao bem estar sempre com dicas e reflexões a propor. Sê bem vindo e se te agrada: segue! :)

Crónicas da Cidade dos Leões

Um Blog que começou por ser um diário e que cresceu para algo mais. Por aqui os temas vão do desenvolvimento pessoal ao bem estar sempre com dicas e reflexões a propor. Sê bem vindo e se te agrada: segue! :)

Qui | 27.08.20

Organização: Marmitas

5 dicas para se simplificar a vida

Nala

Com o final do mês de Agosto chega o regresso ao trabalho e com ele a volta das tão famosas (e com cada vez mais adeptos) marmitas. 

Cá por casa somos grandes fãs de marmitas e nem me consigo lembrar da última vez em que comprei uma sanduiche rápida no bar do hospital. 

Optar por marmita em vez de "comer fora" é mais económico mas também é mais adaptado àquilo que gostamos e que queremos consumir. 

Hoje deixo-vos 5 dicas que colocamos em prática cá em casa e que não implica passar o Domingo na cozinha. Preparados?

- Refeições congeladas: Já vos falei das refeições congeladas no post sobre a cozinha sem desperdício e, mais uma vez aqui estão elas. Aqui em casa temos essencialmente duas formas de congelação: ou o fazemos em doses individuais ou optamos por fazer uma porção que dê para duas refeições. Naquele dia em que não fazemos jantar só temos de pensar em pôr a descongelar de véspera e já está. 

 

- Cozinhar "um bocadinho a mais": Uma outra forma de manter o hábito das marmitas é, naqueles dias em que se cozinha, fazer um "um bocadinho a mais" para sobrar para uma ou duas vezes. Assim rentabilizamos os dias em que temos disponibilidade para cozinhar e ficamos precavidos. 

 

- Preparar a refeição com antecedência: Cá por casa, quando sabemos de antemão que tal dia não poderemos cozinhar preparamos com antecedência a refeição. Por hábito, quando a cozinha é minha, faço o mesmo no Domingo para Segunda-Feira à noite e Terça ao almoço. 

 

- Ter sempre o necessário para uma refeição rápida: Quando o tempo (ou a vontade) é escassa e as opções de refeições são poucas podemos sempre optar por uma refeição rápida. Ter do que fazer uma salada, uma omelete ou um paté é sempre uma boa opção e está pronto em cinco minutos. 

 

- Optar por refeições simples: Simplificar as receitas mas optar por produtos de boa qualidade e de época são sempre apostas seguras para nos mantermos motivados a comer a nossa própria comida. Deixa os pratos pesados e complicados (que normalmente são também os mais difíceis de comer) para os fins de semana e opta por coisas rápidas, ligeiras e saborosas para o dia a dia. Mais tarde agradecerás por isso!

 

E por aí fãs de marmitas ou nem por isso? Quais são os vossos segredos para se manterem motivados?

Beijinhos e até ao próximo post! 

marmitas.jpgPhoto by Caroline Attwood on Unsplash

Não te esqueças de acompanhar as Crónicas da Cidade dos Leões no Instagram e no Facebook: há muita coisa a acontecer por lá.

Se por acaso o conteúdo deste texto te agradar não deixes de o partilhar com familiares e amigos.

 

13 comentários

Comentar post