Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Crónicas da Cidade dos Leões

Um Blog que começou por ser um diário e que cresceu para algo mais. Por aqui os temas vão do desenvolvimento pessoal ao bem estar sempre com dicas e reflexões a propor. Sê bem vindo e se te agrada: segue! :)

Crónicas da Cidade dos Leões

Um Blog que começou por ser um diário e que cresceu para algo mais. Por aqui os temas vão do desenvolvimento pessoal ao bem estar sempre com dicas e reflexões a propor. Sê bem vindo e se te agrada: segue! :)

Dom | 11.10.20

O que ninguém te diz sobre "viver sozinho"

Nala

Há umas semanas atrás publiquei um texto onde falava "o que ninguém te diz sobre viver junto". Foi certamente um dos posts com mais interações aqui no blog e entre aqueles que ficaram a pensar no assunto e aqueles que estão deliciados com a vida de casa (ok, eu incluo-me neste grupo) existiram alguns que comentaram a vida "a solo" e as suas inúmeras vantagens. 

Viver sozinha foi das maiores conquistas que consegui e isso na altura da minha chegada a Lyon. Com quase 28 anos não me estava a ver partilhar casa com desconhecidos, independentemente de sempre ter tido excelentes colegas de casa. 

 

Tal como viver em casal, com a família ou com colegas de casa viver sozinho têm também alguns senãos... e é por isso que entre o bom humor e uma pontinha de melancolia recordo "o que ninguém te diz sobre viver sozinho!"

 

- Quando se mora sozinho, e por muito que não se queira, o telemóvel e o computador tornam-se os nossos maiores companheiros. Porque, por muito introvertidos e tímidos que sejamos, ninguém pode viver sozinho e há sempre aquele dia em que precisamos de nos distrair ou de desabafar sobre alguma coisa e não temos ninguém "à mão". 

 

- Organização precisa-se! Ele são as contas para pagar, os arranjos necessários, as tarefas domésticas e muitas outras coisas necessárias à gestão de uma casa e que temos de fazer sozinhos. A melhor solução para que tudo dê certo, especialmente quando demos esse passo à pouco tempo, é ter a agenda em ordem e as contas em pagamento automático! 

 

- Podemos fazer belos pratos e ter muita atenção ao que compramos para comer mas uma vez por outra mas, no dia a dia, passaremos muitas vezes com pão e queijo, uma salada básica ou cereais para jantar. Em dias de maior depressão a tentação de uma entrega em casa é enorme! 

 

- Empurrar as tarefas chatas com a barriga... que é como quem diz esconder a roupa para passar a ferro ou deixar a louça da cozinha para lavar porque não nos apetece. E depois é ver-nos correr quando aparece uma visita inesperada. 

 

- O silêncio pode tornar-se pesado e isso pode fazer-nos ter necessidade de sair mais vezes ou mesmo culpabilizar quando ficamos em casa sem fazer nada. Por muito que o tempo ou o cansaço nos façam escolher esta opção. 

 

Estes foram apenas algumas coisas que "ninguém te diz" sobre viver sozinho. Claro que existem muitas coisas boas como ter um stand de maquilhagem à porta ou decorar a casa exatamente como queremos e, por isso mesmo, é um tempo que recordo com um sorriso nos lábios e que me fez crescer muito apesar de adorar a vida que tenho agora e não a trocar por nada. 

E por aí? Experiências de vida "sozinho"? Espero ansiosamente as vossas respostas! 

Um enorme beijinho e até ao próximo post! 

charles-deluvio-isoahNTtR14-unsplash.jpg

Photo by Charles Deluvio on Unsplash

Não te esqueças de acompanhar as Crónicas da Cidade dos Leões no Instagram e no Facebook: há muita coisa a acontecer por lá.

Se por acaso o conteúdo deste texto te agradar não deixes de o partilhar com familiares e amigos.

 

 

39 comentários

Comentar post

Pág. 1/2