Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Crónicas da Cidade dos Leões

Um Blog que começou por ser um diário e que cresceu para algo mais. Por aqui os temas vão do desenvolvimento pessoal ao bem estar sempre com dicas e reflexões a propor. Sê bem vindo e se te agrada: segue! :)

Crónicas da Cidade dos Leões

Um Blog que começou por ser um diário e que cresceu para algo mais. Por aqui os temas vão do desenvolvimento pessoal ao bem estar sempre com dicas e reflexões a propor. Sê bem vindo e se te agrada: segue! :)

Ter | 03.11.20

O que é isso de self-care?

Nala

Falasse muito sobre self-care mas somos poucos os que conhecem o seu real conceito.

Segundo a psicóloga americana Helen L. Coons, self-care é "a ação de alguém em torno do bem-estar físico, emocional, relacional, até profissional, educacional ou mesmo espiritual, que se reflete na forma como tomamos conta de nós próprios nos níveis mais fundamentais”, ou seja, são aqueles momentos de bem estar em que realizamos atividades como escrever, dançar, passar creme no corpo, meditar ou fazer yoga com o intuito de nos cuidarmos um bocadinho e de nos conectarmos connosco. 

Na minha opinião as práticas de self-care são tão necessárias como comer, descansar convenientemente ou fazer desporto. 

 

A maioria dos autores apresenta vários benefícios da adesão a estas práticas e escolhi aqui os cinco mais frequentes:

-  O primeiro benefício é a melhoria da relação que temos connosco mesmo, o que não deixa de ser importante já que somos a única pessoa com quem convivemos 24/24h por dia desde o dia em que nascemos até ao dia em que morremos. 

- O segundo benefício é a possibilidade de ter um olhar mais positivo sobre a vida, sobretudo devido ao estímulo que damos à nossa auto-estima

- O terceiro benefício está relacionado com mais produtividade e mais motivação. É bem sabido que quando paramos e descansamos ficamos mais "frescos" e relaxados, o que nos ajuda a incrementar a nossa capacidade de trabalho e de organização;

- O quarto benefício tem a ver com a diminuição dos nossos níveis de cansaço e a melhoria o nosso sistema imunitário. O stress em excesso é um potencial causador de doenças e é por isso que nos é tão essencial parar e cuidar de nós, como cuidariamos daqueles que amamos. 

- O quinto benefício está relacionado com a nossa disponibilidade para os outros.

Este é um dos pontos que me parecem mais fundamentais no que à importância das práticas de autocuidado diz respeito já que "tempo para si" e egoismo são muitas vezes vistos como sinónimos. Na realidade quanto melhor a nossa relação connosco mesmos mais disponíveis estaremos para cuidar, escutar e amar aqueles que nos são tudo. E ganhamos todos com isto...

 

Uma das principais razões pelas quais as pessoas abdicam de práticas de autocuidado é a falta de tempo e a ideia errada de que estas práticas ocupam muito tempo. A realidade é que podemos adaptar uma prática de self-care a qualquer estilo de vida, com alguma organização e a certeza de que, se apenas dispusermos de 5 minutos para dançar ou de 10 minutos para meditar já será muito bom. E depois é ir adaptando em função da nossa disponibilidade.

 

E por aí dedicam algum tempo a cuidar de vocês mesmos? Quais as atividades que praticam e que vos permitem relaxar e dar-se alguma atenção a vocês mesmos?

Beijinhos e até ao próximo post! 

heidi-kaden-gcKomw5peMo-unsplash.jpg

Photo by Heidi Kaden on Unsplash

Não te esqueças de acompanhar as Crónicas da Cidade dos Leões no Instagram e no Facebook: há muita coisa a acontecer por lá.

Se por acaso o conteúdo deste texto te agradar não deixes de o partilhar com familiares e amigos.

 

Fontes: 

https://thehappyjournals.com/benefits-of-self-care/

https://botanicahealth.com/blog/5-benefits-self-care/

 

 

 

 

 

10 comentários

Comentar post