Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Crónicas da Cidade dos Leões

Um Blog que começou por ser um diário e que cresceu para algo mais. Por aqui os temas vão do desenvolvimento pessoal ao bem estar sempre com dicas e reflexões a propor. Sê bem vindo e se te agrada: segue! :)

Crónicas da Cidade dos Leões

Um Blog que começou por ser um diário e que cresceu para algo mais. Por aqui os temas vão do desenvolvimento pessoal ao bem estar sempre com dicas e reflexões a propor. Sê bem vindo e se te agrada: segue! :)

Dom | 04.08.19

Caminhar em plena natureza: A melhor das Terapias

Nala

Os nossos fins de semana nem sempre são calmos e apaziguadores, por muito que nos esforcemos por isso.

Entre as limpezas de casa (e sim, somos uns "tarados" que precisamos de uma casa limpa para nos sentirmos bem dentro dela), algum descanso e preguiça e fins de semana de trabalho seguidos e, na maior parte das vezes, alternados (chega a acontecer trabalhar um no Sábado e outro no Domingo) demorámos algum tempo a descobrir um hobbie que nos levasse para fora de casa e nos permitisse tratar do corpo, da nossa relação e do nosso espírito. 

Descobrimos o graal no início deste ano. 

Tudo começou com a nossa "mania" dos passeios de Domingo. Pegar numas sandes e em mais qualquer coisa e ir desfrutar de um dos maravilhosos parques que esta cidade têm para oferecer.

Com o tempo, e com a exaustão de estarmos sempre nos mesmos sítios, começamos a procurar novos locais... e dos novos locais a começar a fazer caminhadas foi um instante. 

E agora é assim, sempre que temos um fim de semana disponível, e sobretudo se o tempo ajudar, escolhemos um local e um percurso devidamente sinalizado e partimos à aventura. 

Esta prática, que nos trás enormes benefícios a nível físico (e como sabem eu ando a precisar de perder uns quilinhos) têm sido fenomenal, sobretudo a nível mental. 

São horas e horas de esforço físico, de ultrapassar barreiras e de descobrir locais mágicos, quase tirados dos maravilhosos livros da Marion Zimmer Bradley que tanto me faziam sonhar no início da adolescência. 

De telemóvel em punho, a trocar um comentário por outro e sempre com atenção às indicações no caminho esta prática têm-se tornado o nosso desporto de eleição e sobretudo a nossa terapia. Chegamos a casa cansados, sujos, cheios de calor e de sede mas leves e felizes. E com um certo orgulho pelos progressos realizados e pelos locais fantásticos que visitámos. 

Se na fotografia publicada no instagram a propósito do Desafio Fotográfico #quenuncanosfaltemsorrisos vos falei em 6km a verdade é que ultrapassamos os 9 e aventuramos-nos num trilho com algum desnível. 

Partilho convosco algumas fotos e se vos posso aconselhar alguma coisa é que experimentem desfrutar da natureza e partir à aventura desta forma. Tenho a certeza que concordaram comigo que é uma terapia e peras. 

67636514_344691676433146_8774615608747622400_n.jpg

67892395_2111689972466037_8611899857910628352_n.jp

68375107_484058695686633_4547299828685602816_n.jpg

 

15 comentários

Comentar post