Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Crónicas da Cidade dos Leões

Um Blog que começou por ser um diário e que cresceu para algo mais. Por aqui os temas vão do desenvolvimento pessoal ao bem estar sempre com dicas e reflexões a propor. Sê bem vindo e se te agrada: segue! :)

Crónicas da Cidade dos Leões

Um Blog que começou por ser um diário e que cresceu para algo mais. Por aqui os temas vão do desenvolvimento pessoal ao bem estar sempre com dicas e reflexões a propor. Sê bem vindo e se te agrada: segue! :)

Ter | 01.09.20

Apontar o dedo...

Nala

Se formos realmente honestos connosco próprios sabemos que, pelo menos uma vez na vida, já apontámos o dedo a alguém. Até aí nada de novo... 

E nem vale a pena enganar quem quer que seja sobre isso: todos temos as nossas opiniões e, mesmo que evitemos a todo o custo transparecê-las, dentro da nossa cabeça ou em frente das pessoas com quem somos mais próximos criticamos os outros. 

Este traço de personalidade comum, e que não é de todo saudável, é muitas vezes confundido com "liberdade de expressão". Mas liberdade aqui é coisa que não existe... 

Em primeiro lugar, quando criticamos alguém, devíamos colocar empatia e bom senso nas nossas críticas. Permitir-se dizer aos outros o que têm de fazer ou o que fizeram de mal sem ter, em momento algum, conhecimento de causa ou compreensão suficiente para perceber que nem todos temos a mesma forma de reagir ou os mesmos valores é irresponsável e ignorante. 

Em segundo, quando criticamos alguém o mais correto seria fazê-lo na cara. Se é bonito criticar alguém de frente? Não, não é... Mas pelo menos nesse caso poderemos deixar a pessoa defender-se ou pensar o que quiser de quem a crítica. Criticar pelas costas ou escondido por trás de um ecrã de computador é arrogante e sobretudo cobarde. 

Existem críticas e críticas que podem ir desde um simples "cochicho" (quem nunca fez uma destas que atire a primeira pedra...) mas juízos morais e de valores devem ser muito bem ponderados e sobretudo assumidos. Apontar o dedo é muito feio e ninguém ganha nada com isso.

Um grande beijinho e até breve!

alejandro-luengo-VpL2pCBfvhU-unsplash.jpg

Photo by Alejandro Luengo on Unsplash

Não te esqueças de acompanhar as Crónicas da Cidade dos Leões no Instagram e no Facebook: há muita coisa a acontecer por lá.

Se por acaso o conteúdo deste texto te agradar não deixes de o partilhar com familiares e amigos.

Comentar:

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.