Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Crónicas da Cidade dos Leões

Um blog que adora partilhar dicas e reflexões sobre lifestyle, descobertas e organização. Sejam Bem Vindos!

Crónicas da Cidade dos Leões

Um blog que adora partilhar dicas e reflexões sobre lifestyle, descobertas e organização. Sejam Bem Vindos!

Ter | 26.01.21

3 razões para te manteres "no ativo" em confinamento

Nala

Os dias não estão fáceis, se é que alguma vez estiveram, desde Março passado.

Novas medidas de confinamento, mais medo pela doença, pelo risco de perder o emprego, pelos problemas económicos e sociais, o tomar conta das crianças enquanto se está em teletrabalho e, sobretudo, a certeza absoluta de que não, não vai ficar tudo bem. 

Da primeira vez a culinária e os exercícios desportivos caseiros foram uma ajuda preciosa mas agora nem para isso já há paciência. 

Mas não podemos estancar, por mais que a vida esteja bloqueada novamente (nós por aqui começamos a esperar pelo anúncio do terceiro confinamento) e, pessoalmente, prefiro manter-me ativa e planear o que há-de vir e avançar assim que for possível. Esta forma de fazer as coisas valeu-me um ano de 2020 complicado mas produtivo e não pretendo de forma nenhuma alterar a minha forma de viver estes próximos tempos. 

Se bem que é preciso manter os pés bem assentes na terra, especialmente quando os tempos são incertos, também é preciso adaptação à novidade pois, como nos mostraram todas as grandes crises socio-económicas e sanitárias antes desta, é quem mais se adapta e aproveita a oportunidade para progredir mesmo que tenha de trabalhar duro e ficar frustrado muitas vezes, quem mais probabilidade têm de se sair melhor. 

E se isso não chega deixo-vos três razões pelas quais acho tão importante que nos mantenhamos ativos no máximo número de áreas da nossa vida possíveis mesmo em confinamento. 

 

- Manter-se activo permite mudar o foco:

E manter o foco significa mais objetivos (mesmo que espaçados e adaptados) e mais planos. O que nos dará energia para cumprir mais, resolver o que está pendente e ainda têm o bonús de nos manter longe de toda a informação excessiva e tóxica e das redes sociais onde parece que todos vivem melhor o confinamento do que nós. 

Ainda para mais sabemos que quanto mais aborrecidos estivermos mais criativos e inventivos teremos tendência a ser então toca a aproveitar a oportunidade. 

 

- Manter Corpo são em Mente sã:

Aqui entra a prática de atividade física que é essencial na manutenção da nossa saúde em todos os aspetos. 

Por isso venham a nós os vídeos de aulas gratuitas no youtube, as aplicações de exercício físico e os passeios higiénicos sobretudo se, como eu, se mora num apartamento pequeno e sem um ponto de exterior. 

E não me venham já bater porque nisto de confinamento quem têm uma vivenda está muito à frente de quem vive num espaço pequeno num grande centro urbano... 

 

- Mudar o Mindset:

Sim, a situação sanitária, económica, social e tudo o que conhecemos até hoje está posto em causa: certo! Mas será que podemos fazer alguma coisa quanto a isso? Não. 

Por isso é tão importante mudarmos o mindset e adaptarmos a nossa forma de pensar e os nossos objetivos aos tempos que correm. 

Pessoalmente passei os primeiros dois confinamentos a maldizer a minha vida e a queixar-me de perder tempo mas rapidamente percebi que de uma forma ou de outra a única forma que tinha de lidar com a situação era avançar com o que tinha e o que podia controlar. 

Os resultados foram bons, apesar de trabalhosos. Então porque continuar a tentar controlar o que não posso e deixar de lado aquilo que projeto e que, apesar de tudo, posso realizar? 

Já que, como toda a gente, terei projetos que ficaram um longo período, senão para sempre, dentro da gaveta melhor continuar com aqueles que subsistêm e são possíveis. 

 

E por aí qual a vossa forma de se manter ativo mesmo em confinamento? Tentam avançar com alguns projetos ou esperam para ver no que dá? 

Beijinhos e até ao próximo post!

leohoho-DNWGe_3mPmY-unsplash.jpg

Photo by Leohoho on Unsplash

Não te esqueças de acompanhar as Crónicas da Cidade dos Leões no Instagram e no Facebook: há muita coisa a acontecer por lá.

Se por acaso o conteúdo deste texto te agradar não deixes de o partilhar com familiares e amigos.

 

Comentar:

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.