Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Crónicas da Cidade dos Leões

Um Blog que começou por ser um diário e que cresceu para algo mais. Por aqui os temas vão do desenvolvimento pessoal ao bem estar sempre com dicas e reflexões a propor. Sê bem vindo e se te agrada: segue! :)

Crónicas da Cidade dos Leões

Um Blog que começou por ser um diário e que cresceu para algo mais. Por aqui os temas vão do desenvolvimento pessoal ao bem estar sempre com dicas e reflexões a propor. Sê bem vindo e se te agrada: segue! :)

Seg | 09.12.19

Desafio "O Meu Conto de Natal"

Nala

A IMSilva desafiou e a malta alinha! A ideia dar largas à imaginação e escrever um conto de Natal. 

Todos os contos devem ser adicionados à TAG "O meu conto de natal" e serão publicados no dia 23 de Dezembro. 

Eu já comecei a "escrevinhar", e vocês do que estão à espera? 

Para mais informações é só passar pelo blogue da IMSilva! Vamos lá tornar este Natal ainda mais rico em contos e palavras bonitas!

Seg | 09.12.19

Noite de Natal combina com Pedido de Casamento!

Caixinha n.º 9 do Calendário do Advento da Nala

Nala

Já vos falei milhares de vezes da preparação do meu casamento. O que nunca vos contei foi como "aconteceu o pedido". 

Bem, que sejamos claros numa coisa, não houve joelhos no chão nem jantar romântico à luz das velas. Somos ambos pragmáticos e a decisão de casar já tinha sido tomada há algum tempo.

Posto isto ficaram vocês, tal como eu, convencidos de que não haveriam surpresas quanto a este tema. 

Mas eís que, na noite de Natal do ano passado, Sua Excelência decidiu fazer-me uma surpresa e oferecer-me o anel de noivado (aparentemente utilizou um dos meus anéis para tirar medidas e eu nem dei por nada). 

Na minha opinião ele não podia ter escolhido melhor noite, até porque foi o primeiro Natal que passamos juntos, em nossa casa. E, com a presença dos seus pais, oficializou a coisa num instantinho. E será mais um momento de que seguramente nunca nos esqueceremos e o qual recordaremos com imenso carinho. 

E assim, sem eu me ter apercebido de nada, o Natal tornou-se ainda mais mágico e com mais histórias para contar. 

Sem título.png

 

 

Dom | 08.12.19

O verdadeiro Natal espelha-se em quem cresce! - O Natal da Maribel

Caixa n.º 8 do Calendário de Advento da Nala

Nala

Mais uma vez, sou desafiada para escrever em blogue vizinho, desta vez o convite veio por parte  da nossa querida Nala e a proposta refere-se ao tema do Natal. Muito obrigada pelo carinhoso convite.

Que tema mais docinho e quentinho para este inverno, portanto, venha daí a reflexão e a escrita!

A época do Natal, enche o nosso espírito de alegria, mas a maior felicidade e animação está no coração das crianças, que anseiam as férias e o dia de Natal com enorme emotividade.

Para as crianças, receberem presentes de Natal é excelente, mas preparar a casa, com a árvore de Natal, o Presépio… também lhes enche os corações! Estarem reunidas em família, receberem os mimos dos mais velhos, partilharem as brincadeiras com outras crianças, descansarem da escola nos dias de férias,… tudo isso alegra a alma de quem cresce!!!

Aprendo imenso com elas e claro, sobre o Natal não foi exceção!!! São lições de vida que guardo como tesouros… partilho aqui um bocadinhos destes tesouros guardados:

Aprendi que não existem brinquedos para meninos ou meninas, os desejos por brinquedos em nada refletem o género… Quando perguntei a um menino de 4 anos qual o presente escolhido para o Natal:

_ Coisas da barbie.

Aprendi que existem crianças que não recebem presentes porque as família têm poucos recursos financeiros… Quando perguntei a uma criança de 6 anos qual a prenda que recebeu:

_Nada, não havia dinheiro.

Aprendi que mais do que presentes o importante é a partilha familiar… Quando perguntei a um/a estudante de 11 anos como foi o Natal:

_ É sempre espetacular, vou a casa dos meus tios, estou com o meu padrinho e com os meus primos, fazemos muitas brincadeiras…

Aprendi que no Natal a vontade de partilhar aumenta, assim como a necessidade de ser solidário com os outros… Quando falei com um/a estudante de 9º ano sobre o Natal:

_ Vamos recolher roupas e brinquedos para doar…

Por tudo isto, aprendi que o Natal é sinónimo de amor e partilha, é família é comunhão, é alegria… é muito mais do que o espírito consumista que o comércio pretende incutir… e, se educarmos para tudo isto, teremos, no futuro, adultos conscientes e de grande humanidade. Para que, quando a uns falte os outros deem… Para que, todos se respeitem… para que haja mais convívio e menos prendas…

Aprendi que este é o Verdadeiro Espírito de Natal!

paige-cody-bdse1gz3EPg-unsplash.jpg

Photo by Paige Cody on Unsplash

Se ainda não conhecem o blog da Maribel Maia "Educar (com) Vida" passem imediatamente por lá!

A Maribel dá-nos, em todos os seus posts imensas informações sobre como lidar e educar crianças e jovens e faz um trabalho de serviço público no seu blog, onde distribui conselhos e ideias para pais, educadores e todos aqueles que têm crianças proximas com um entusiasmo e uma paixão que só podem resultar em algo grandioso. 

Desejo-te Maribel um Feliz Natal e um Novo Ano cheio de motivação e paixão. Um grande beijinho, minha querida! 

 

Sab | 07.12.19

A minha "Carta ao Pai Natal"

Caixa n.º 7: Calendário de Advento da Nala

Nala

Sim, este é o post mais fútil possível mas deixo-vos aqui a minha "Carta ao Pai Natal" com os presentes que eu gostava mesmo de receber.

Não que não me sinta mimada com as prendas que recebo mas ter todos os anos um pijama polar de presente de uma pessoa diferente têm que se lhe diga 

- Estufa de Apartamento: Apesar do meu apartamento ter um grande terraço a exposição solar não é das melhores. Um dos presentes que eu adorava receber era uma estufazinha de apartamento onde pudesse "cultivar" as minhas plantinhas aromáticas. 

- Sapatilhas de Caminhada: Um dos nossos passatempos preferidos são as caminhadas e, apesar de estarmos ainda num nível muito inicial, umas boas sapatilhas seriam um excelente incentivo. 

- Packs de experiências ou estadias: Adoro fazer coisas novas e, porque há sempre muita coisa que me parece ser mais urgente ou importante, tenho tendência a deixar os passeios e os spas para outras alturas... Por isso este é um presente que eu adoraria receber este Natal e, é certo, que vou também oferecer algum. 

- Bilhetes para Teatro/Espetáculos: Mais uma vez, as prioridades levam-me muitas vezes a não fazer investimentos neste tipo de experiências, e mais uma vez é qualquer coisa que eu adoro receber. 

- Livros: Sou uma leitora compulsiva e adoro ler. Por isso livros são sempre um presente que eu vou adorar. Ainda por cima sou relativamente fácil de agradar nesta área. 

- Comparticipação para a realização de um Curso de Escrita Criativa: Este é um dos sonhos que anotei na lista dos 100 Sonhos, e nomeadamente nos objetivos a concretizar nos próximos 2 anos (deixo-vos o post aqui) e, devido ao seu custo, uma comparticipação da família seria bem vinda! 

- Brincos, écharpes e material de papelaria: Estes três tópicos nunca são demais e qualquer um deles me deixa radiante com o presente! Ainda para mais há coisas bem giras e bem em conta! 

E assim acabou a minha "Carta ao Pai Natal". Claro que existem muito mais coisas que eu gostava de ter mas não queria deixar a lista muito exaustiva. 

Espero que com este post um bocado mais fútil do que é normal no blog, mas que eu adorei fazer, tenham tido também vocês algumas ideias de presentes a oferecer. Ao longo destas semanas de Calendário do Advento haverão seguramente mais sugestões de presentes de Natal que podem aproveitar. 

Ficaria também muito feliz de ler os vossos desejos de presentes para este Natal aqui em baixo, nos comentários. 

 

 

 

 

 

 

 

 

Sex | 06.12.19

O Natal da minha infância...

Caixa n.º6 do Calendário de Natal da Nala

Nala

Conheci o Natal enquanto neta de uma Mulher de Armas que junta todos os anos as filhas, genros, netos e compadres e comadres na mesa de Natal. Para ela ninguém pode ficar sozinho em casa! 

A minha avó, pois é dela de quem trata este post, têm aquele orgulho quase infantil de fazer uma Árvore de Natal enorme, com decorações que datam do tempo em que as filhas eram pequenas. Têm orgulho em fazer os seus "velhozes" à antiga e de preparar o bacalhau, o lombo assado, o perú e a roupa velha para dar de comer a toda a gente. 

Cresci neste ambiente de fascínio que a minha avó têm pelo Natal (e que passou de geração em geração visto que a minha mãe e eu a seguir adoramos igualmente o Natal) e passei sempre Natais com quase 30 pessoas à mesa.

É barulhento, animado, confuso... começa a comer-se tarde porque é díficil juntar toda a gente e as prendas são sempre abertas de manhã (tradições de uma família antigamente emigrada em França e que acaba de jantar perto da meia noite e meia) mas têm o seu quê de infantil e mágico. 

Com a idade e sobretudo com as experiências e questionamentos que a vida me trouxe, existêm alguns hábitos que me fazem alguma confusão mas nao crítico e respeito-os.

Pois as diferenças fazem parte das grandes famílias e, independentemente de tudo fui e ainda sou, apesar de estar menos presente, muito feliz naquelas noites e dias de Natal de mesa farta e presentes em abundância de que a minha avó tanto gosta e que tanto me fazem sonhar com o dia em que serei eu a dona de casa a receber todos no Natal, se possível com a mesma alegria e determinação com que a minha avó, com 80 e poucos anos o faz.

les-anderson-gGZstfHD0w8-unsplash.jpg

Photo by Les Anderson on Unsplash

 

 

Qui | 05.12.19

"As corridas mágicas oferecidas pelo Natal" - O Natal do João

Caixa n.º 5 do Calendário do Advento da Nala

Nala

A pedido da Nala, aceitei o desafio de me enquadrar e de enquadrar o meu blogue na quadra natalícia.

A verdade é que para um inveterado como eu, que não para uma nesta altura do ano, é perfeitamente aceitável observar a corrida à luz das festividades.

Antes de passar à verdadeira magia das provas natalícias, tema que me foi devidamente aconselhado pela esposa, gostaria de vos revelar que adoro correr nesta altura do ano.

As localidades despedem-se da normalidade e vestem-se a rigor para quem as quiser galantear. E a verdade é que nem o frio me leva a felicidade e a alegria infantil de ver decorações e luzes por tudo o que é canto e sítio.

Nunca fui uma pessoa muito natalícia, por várias razões, mas isso mudou há três anos quando saía do meu anterior trabalho e ainda ia correr, percorrendo os espaços mais emblemáticos da minha vila, sempre na companhia das luzes natalícias.

Chegava a casa gelado, mas de coração cheio. O espírito muda e aproxima-nos mais do que nos rodeia, dos trabalhos de outros para que haja mais cor nas nossas vidas.

Essa ideia ficou desde então.

No ano passado, ao participar em duas corridas São Silvestre, em Coimbra e na Figueira da Foz, entrei definitivamente para o clube dos apaixonados por corridas natalícias.

O ambiente que se vive nessas provas, muito por culpa das barraquinhas e da disposição das pessoas, é muito afetivo e sente-se uma ternura e uma melancolia (pelo menos para este lamechas convicto) bem diferentes do resto do ano.

Poder fazer aquilo que me realiza em locais cheios de charme, luz e brilho é indescritível.

Tenho na memória a Avenida Sá da Bandeira em Coimbra ou a Ponte e a praça da Figueira.

Nesta última, ficou também a recordação de atravessar a meta com muito público a apoiar e de ainda ter visto a minha mãe no final. 

O resultado não foi o melhor, sobretudo, na da Figueira, mas não minto quando digo que isso em nada interessou, pois o apoio, o convívio e a animação não tiveram qualquer comparação.

Chegar a dezembro com as corridas "à mão" é pensar, por exemplo, que ainda alimento o sonho de fazer essa prova no Porto, com aprox. 10 mil pessoas tão festivas e malucas quanto eu. Porque correr São Silvestre é mostrar afeto e partilhar a alegria natalícia. São aquelas provas que não contam para o calendário de um atleta por serem tão especiais.

Voltando à do Porto para finalizar, digo que fico com borboletas na barriga só de ver as decorações da Avenida dos Aliados ou a mancha humana no dia em causa.

E por fim digo o seguinte: Quem gosta de o fazer, deve correr sempre, mesmo com o frio do natal. Poucas coisas me realizam tanto quanto chegar a casa quase em pedra e receber um mimo, nem que seja na forma de um chá bem quente. O coração fica quente num instante.

Para terminar, agradeço imenso a oportunidade que me foi concedida pela Nala, alguém que tenho em muito boa conta pelos bons conselhos que dá.

Despeço-me desejando um feliz natal a todos.

3CBF169A486D4FE2BA24AC70628EE64F (2).jpg

3D8C8D2AA4BB49DDAC7AC71A1DF17D52 (2).jpg

12BF2BCED6D64E07935A517314381AC7 (2).jpg

Se ainda não conheces o João e o seu blogue: "O que não mata, engorda e transforma-te num maratonista" não deixes de passar por lá. 

O João partilha connosco, quase diariamente, os seus ritmos de treino, as suas conquistas e desafios pessoais e a forma como conquista pouco a pouco os seus objetivos pessoais e desportivos. Um blogue que é uma verdadeira mina de ouro no que toca a desporto e motivação. 

Agradeço do fundo do coração ao João por ter aderido a este meu "Calendário do Advento" e dado assim a conhecer o que, para si, faz parte do Natal. 

Beijinhos e Feliz Natal João e esposa que, apesar de não conhecer tenho um carinho enorme, ou nao fosse o velho ditado de que "por trás de um grande homem há sempre uma grande mulher"! 

Qua | 04.12.19

Colmar - Um dos Mercados de Natal mais bonitos da Europa

Caixa n.º 4 do Calendário do Advento da Nala

Nala

Como amante da época de Natal que sou tinha, desde sempre, o desejo de ir a um grande Mercado de Natal europeu.

E a oportunidade surgiu o ano passado onde tive a oportunidade de aproveitar 4 dias maravilhosos na pequenina cidade de Colmar, na Alsácia- França, onde é feito um dos mais bonitos Mercados de Natal da Europa. 

Para começar tenho de dizer que a pequena cidade é muito pitoresca: com as casinhas típicas daquela região de França e vários canais de água que lhe conferem um ar de contos de fadas. O ambiente é frio mas, sinceramente, acho que isso só nos mete ainda mais no ambiente natalício. 

Este mercado de Natal divide-se em 4 mercados diferentes, espalhados pela cidade. Um especialmente dedicado à gastronomia, outro mais dedicado ao artesanato, um especialmente dedicado aos mais pequenos e o quarto dedicado às decorações de Natal. 

Apesar de a cidade ser pequenina e se poder visitar rapidamente vale a pena aproveitar para ver e rever os comerciantes e descobrir, a cada passagem, coisas mais bonitas. 

Se, com este post vos fiz sonhar, e se têm a possibilidade de vir até este cantinho do céu aproveitar a época natalícia deixo-vos aqui algumas sugestões: 

- Para comer/beber: O Prato típico alsaciano por excelência é a choucrute (uma espécie de couve fermentada) que é normalmente acompanhada por salsichas, bacon e diferentes tipos de enchidos. É de comer e chorar por mais, diz ele.

O foie gras foi também desenvolvido na Alsácia sendo, portanto um excelente sítio para o provar. 

Para uma opção mais fast-food as tartes flambées ou Flammekueche são a opção perfeita. 

Outros pratos típicos são: o baeckeoffe, um tipo de ensopado alsaciano, os spaetzle, uma massa rústica preparada com farinha, creme de leite e ovos, além do Munster fermier típico da região, que é um queijo muito mal cheiroso mas absolutamente delicioso. 

Para os apreciadores de vinho branco o Gewurztraminer e o Reisling alsaciano são opções perfeitas. Para os que gostam de bebidas mais açucaradas encontrarão facilmente vinho quente, sidra ou sumo de maçã quente em todos os mercados de natal. 

Em doçaria podemos render-nos ao pain d'épices e ao Kouglof (brioche com uvas e passas). Também os bolos típicos de Natal da Alsácia são deliciosos e, sobretudo, um excelente souvenir. 

- Para dormir: Como estes dias funcionavam um bocadinho como "Lua-de-Mel" antecipada escolhemos uma "Chambres d'Hôtes" que dá pelo nome de Villa Élyanne.

Com uma localização perfeita pertinho da estação de comboios e do centro da cidade este espaço cheio de histórias marcou-nos de forma muito especial.

É um palacete absolutamente deslumbrante e com uma história fantástica antes e depois da restauração, a dona da casa é super amável e o pequeno almoço foi dos melhores que já comi. 

Espero com este post, e com as imagens que se seguem, vos aguçar o apetite para umas mini-férias em terras francesas. 

DSC_1068.JPG

Ruas de Colmar

DSC_1069.JPG

Casas decoradas

DSC_1071.JPG

Monumentos decorados

DSC_1074.JPG

Casas típicas da região

DSC_1078.JPG

Decorações de Natal

DSC_1104.JPG

A famosa "Choucrute"

Todas as imagens são da minha autoria, no entanto nunca pensei usá-las na criação de um post. Peço desculpa por alguma falta de qualidade que possam encontrar. 

Não te esqueças de acompanhar as Crónicas da Cidade dos Leões no Instagram e no Facebook: há muita coisa a acontecer por lá.

Se por acaso o conteúdo deste texto te agradar não deixes de o partilhar com familiares e amigos.

 

 

Ter | 03.12.19

Surpresa! Temos os presentes ideais para si! - O Natal da Patrícia

Caixa n.º 3 do Calendário do Advento da Nala

Nala

Com o aproximar da época festiva do Natal, começam a "dores de cabeça" para conseguirmos encontrar o presente ideal para os familiares e amigos.

Mas esta tarefa pode ser divertida se englobarmos toda a família, principalmente os miúdos!

Os embrulhos personalizados são bastante engraçados... tente fazer algo diferente do habitual: coloque fotos a identificar para quem é o presente e adicione uma frase divertida!

Quando for escolher o presente pense na pessoa e em algo prático que a mesma possa usar no seu dia a dia e não para guardar numa gaveta. Assim vão-se lembrar sempre de si, com toda a certeza!

O que interessa é o gesto e não o valor, não se esqueça disso!

Deixo aqui cinco sugestões que vão de encontro com este espírito:

- Organizador em acrílico para  discos de algodão - mesmo para as meninas que não usam maquilhagem, passar uma água micelar ou qualquer outro produto de limpeza de rosto no final do dia é um gesto comum. Este utensílio fico muito giro em qualquer casa de banho - 5,65€
https://www.pollux.pt/loja/pt/caixa-algodao-acrilica-ba63204/?pid=10610


- Sérum relaxante The Ritual of Dao - na correria do dia a dia os momentos relaxantes são cada vez mais escassos, este sérum da Rituals é perfeito para alturas de maior stress...ajudando a manter a mente "limpa" - 11.90€
https://www.rituals.com/pt-pt/the-ritual-of-dao-relaxing-serum-1105523.html?showbacklink=false

- Kit de viagem Nuxe - com a facilidade com que se viaja utilizando, muitas vezes, apenas uma mala de cabine os kits fazem imenso jeito. A Nuxe solução ideal com cinco cuidados essenciais: 1 Gel de Limpeza Rêve de Miel (15ml), 1 Creme-Gel Multicorreção (15ml), 1 Creme de Mãos Rêve de Miel (15ml), 1 Gel Duche Fundente (30ml) e 1 Leite Hidratante (15ml) - 10€
https://www.elcorteingles.pt/espaco-saude/A30279913-kit-de-viagem-nuxe/

- Power Bank Adaptador TP-Link 3000mAh Slim dourado - este é um acessório que já ninguém dispensa, é o presente perfeito tanto para uma amiga ou para um amigo, existem para variadíssimos preços, fica aqui uma sugestão mais económica - 14.90€
https://www.elcorteingles.pt/tecnologia/A28679644-power-bank-adaptador-tp-link-3000mah-slim-dourado/

- Ecoffee cup - copos reutilizáveis feitos com fibra de bambu natural, um dos recursos mais sustentáveis do mundo, ainda por cima são tão lindos - 9.95€
https://ecoffeecup.com/product-category/shop-by-size/ecoffee-cup-8oz-250ml/?ph=f9414b4822e7c17e55728f4d

Como vê não é assim tão difícil!

Copie...inspire-se...e boas compras!

 

Se ainda não conheces a Patrícia e o seu blogue "Gosto disto e então?" está na altura de passares por lá! 

Com um estilo de escrita muito próprio e acessível e umas dicas de moda, estilo e beleza absolutamente infalíveis, a Patricia é também uma das bloggers mais doces que por aqui podemos encontrar. 

Convidei a Patricia pois quando pensei num post sobre compras de Natal achei que ela seria a pessoa ideal para o escrever. E ela surpreendeu-me, mais uma vez, com a originalidade e a forma sucinta com que apresentou as suas sugestões para todos os gostos e todas as carteiras. 

Obrigado do fundo do coração pela tua colaboração, querida Patrícia. És uma peça essencial deste calendário do advento. Umas excelentes festas e um Novo Ano Maravilhoso para ti e para os teus! 

 

Seg | 02.12.19

Velas "de Natal"

Caixinha n.º 2 do Calendário do Advento da Nala

Nala

Para mim Natal combina com casa decorada, com aconchego e conforto. Com um ambiente muito cosy e relaxante. 

Quando penso em Natal penso nos risos dos miúdos, nas conversas dos adultos, no fogo que arde na chaminé e que dá aquela sensação de viver um conto de fadas.

Em minha casa falta-me, no entanto, a luz do fogo de lareira e, talvez para compensar, tornei-me uma apreciadora de velas. 

As velas têm aquele poder mágico de embelezar uma mesa e de tornar um ambiente ainda mais acolhedor e reconfortante.  

Por todas estas razões e, ainda mais nestes dias frios e curtos que antecedem o Natal, ter velas em casa e acendê-las tornou-se um ritual diário do qual não abdicamos. 

Recentemente conheci a marca BE2ADORN. Esta marca portuguesa, foi fundada pela Rita e o Nuno que, tal como muitos de nós, gostam de uma mesa bem decorada, da luz mística das velas e de desfrutar da companhia daqueles que amam. A isso acrescentaram o seu gosto pelo artesanato e uma grande preocupação em ajudar o próximo. 

78326055_878824532512085_3141151613561864192_n.jpg

1ª imagem da minha autoria. Seguintes be2adorn.com

Para além de lindas, as velas da be2adorn são também "solidárias" e, por cada vela vendida, 0,50€ revertem a favor de uma instituição. Durante o mês de Dezembro será a  Corações com Coroa que será apoiada.

Be2Adorn&Coracoes Com Coroa.jpg

Não deixem de passar pela loja online https://be2adorn.com/ e deixem-se deslumbrar pela belissíma coleção que é perfeita para enfeitar a vossa mesa de festa ou, quem sabe, encontrar aquele presente para alguém muito especial que vos está a faltar! 

Eu já tenho a minha e adoro-a!

 

Este post foi feito em colaboração com a marca BE2ADORN

Dom | 01.12.19

E tu, o que queres acrescentar a este Natal?

Caixinha n.º1 do Calendário de Advento da Nala

Nala

Para começar este Calendário do Advento quero lançar-te um desafio: O que queres acrescentar a este Natal?

Será que queres ser mais solidário? Será que queres ser um melhor ouvinte? Ou preferes dedicar-te às questões climáticas?

O que te proponho é que encontres dentro de ti aquilo que te motiva, aquilo que te interessa e que faz o teu coração bater mais forte! 

A ideia é lançares-te um desafio e levá-lo até ao fim, cresceres com ele e teres um Natal ainda mais significativo. Sem julgamentos nem expetativas elevadas sob risco de desistires mal começaste.

Por minha parte decidi lançar-me como desafio "criticar menos" e diminuir os pensamentos negativos que me assolam (sobre pessoas com quem tenho pouca afinidade) mesmo que não os verbalize! Não vai ser fácil mas um pequeno passinho hoje, um segundo passinho amanhã levar-me-ão a bom porto e serei um bocadinho melhor no próximo Natal. 

E tu, estás preparado para esta aventura?! O que queres acrescentar a este Natal? 

annie-spratt-X4l3CjcDvic-unsplash.jpg

Photo by Annie Spratt on Unsplash

 

Pág. 3/3