Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Crónicas da Cidade dos Leões

Um Blog que começou por ser um diário e que cresceu para algo mais. Por aqui os temas vão do desenvolvimento pessoal ao bem estar sempre com dicas e reflexões a propor. Sê bem vindo e se te agrada: segue! :)

Crónicas da Cidade dos Leões

Um Blog que começou por ser um diário e que cresceu para algo mais. Por aqui os temas vão do desenvolvimento pessoal ao bem estar sempre com dicas e reflexões a propor. Sê bem vindo e se te agrada: segue! :)

Qui | 30.07.20

10 dicas para lixar a própria vida!

Nala

Ando numa onda meio que sarcástica aqui no blog e hoje resolvi trazer-vos mais um post "ao contrário". 

Como sabem, especialmente aqueles que me seguem há mais tempo, gosto de tudo o que é desenvolvimento pessoal e de psicologia positiva, visito assiduamente a minha psicóloga e tenho demasiada tendência a guiar-me pelas massas e a fazer-me pouca confiança.  

E é por isso que de "se dificultar a vida" eu percebo alguma coisa.

Ao longo destes últimos anos boicotei-me umas quantas vezes e sei exatamente qual a melhor forma do fazer e, para partilhar esta minha maravilhosa experiência com vocês aqui está este post... 

Apresento-vos as minhas 10 melhores dicas para lixar a própria a vida, as quais testei uma por uma, e as quais posso garantir que funcionam! Preparados?

 

- Acreditar em tudo o que nos dizem:

Diz a sabedoria popular que "quem conta um conto acrescenta um ponto". O mesmo se passa na nossa vida de todos os dias...

Por isso se quisermos ser "palerminhas" basta-nos acreditar inocentemente em tudo o que nos dizem. 

É de extrema importância confiar nos outros mas para isso não é preciso sermos demasiado ingénuos e crer palavra por palavra em tudo. Especialmente porque, mesmo de forma inocente, as pessoas têm tendência a falar de forma a ficarem bem "na fotografia". 

 

- Partilhar tudo o que se passa na nossa vida tua vida: 

Aqui há uns tempos fiz um post sobre falar ou não de projetos pessoais.

Hoje iria mais longe e diria que se quisermos ser o tema de conversa das horas vagas basta-nos contar tudo sobre a nossa vida à primeira pessoa que nos pergunte. 

Falar não têm nada de mal e esconder não é uma boa solução mas é importante não esquecer a curiosidade alheia nem sempre é bem intencionada e que, por vezes, há pequenos pormenores que não têm necessidade de ser do conhecimento geral. 

 

- Dizer que sim a tudo e mais alguma coisa:

Uma das melhores maneiras de lixar a nossa vida é não saber dizer não! Anular-se constantemente em prol dos outros ou por medo da opinião alheia é meio caminho andado para não estar bem na sua pele e deixar a sua própria vida à deriva!

E depois, quando estivermos perto do naufrágio, compreenderemos que poucos se vão arriscar a nos deitar a mão e que nos "sacrificamos" tanto para nada, exceto para nos sentirmos péssimos connosco mesmos. 

 

- Queixar-se de tudo:

Sabem aquela atividade que adoramos fazer mas que não nos serve rigorosamente para nada, exceto para nos dificultar o caminho?! Pois é: as queixas!

Esse mar de lamurias onde gastamos a energia que poderíamos utilizar para coisas importantes...

Por isso queixa-te, rumina no que te fez mal ou naqueles que te prejudicaram e podes ter a certeza que a situação continuará igual ou poderá mesmo piorar. 

 

- Deixar-se levar pela crítica alheia:

As pessoas criticam e insultam por tudo e por nada. É uma triste realidade mas é a que temos.

Por isso, se quisermos que nos destruam os sonhos ouçamos exatamente tudo o que dizem sobre nós... verás que o resultado é extraordinário e em dois tempos sentir-nos-emos ainda pior na nossa pele do que aquilo que pensávamos ser possível! 

 

- Ter vergonha de aprender:

Outro modo perfeito para não "ir a lado nenhum" é esconder o que não se sabe e ter vergonha de perguntar ou aprender.

Já se sabe que a simplicidade está fora de moda então porque deveríamos tentar melhorar ou mostrar aos outros que somos vulneráveis?! 

 

- Procurar a Perfeição custe o que custe:

Todos nós sonhamos com a casa perfeita, o corpo perfeito, o trabalho perfeito, as férias perfeitas... 

A única coisa errada em procurar a perfeição em todo o lado é que ela não existe. Então porque não continuar a exigir-se ser perfeito em tudo?! 

 

- Comparar-se a tudo e a todos:

Sabem aquela expressão que diz que "A galinha da vizinha é bem melhor do que a minha"?!

Pois... se assim é então porque não passar a vida a sentir-se miserável ao pé da prima que comprou um carrão, da amiga que recuperou rapidinho depois de um parto ou do vizinho que é mais novo que nós mas que já é dono da sua própria casa?

Se isto não é uma boa forma de se massacrar a si mesmo o que será...

 

- Presumir que toda a gente sabe o que a gente quer:

Esta é mais uma excelente dica de como se lixar a vida. 

Sabem aqueles momentos em que se chateiam com o vosso companheiro porque presumiram que ele sabia que queriam ir jantar fora mas ele afinal não tinha percebido. Ou aquele projeto na empresa para o qual já têm 500 ideias mas que vos foge entre os dedos porque presumiram que o vosso chefe já tinha decidido que era o Manuel que o iria gerir? 

Presumir as coisas é uma excelente forma de se lixar. Para ser exata perguntar, afirmar ou dizer claramente o que se quer são meras perdas de tempo, por isso não o façam! 

 

- Ter medo de assumir riscos moderados:

Deixar-se estar onde se está e nunca se assumir nenhum risco (por mais moderado que ele seja) é uma forma extraordinária para lixar a sua própria vida. 

Para o resultado ser ainda mais eficaz o melhor mesmo é deixar juntar a esta inação a queixa desmesurada e aí sim estaremos no bom caminho!

 

E por aí, quais as melhores formas de lixar a vossa vida que já experimentaram! Morro de curiosidade (sã) de ler os vossos comentários!

Um grande beijinho!

sharon-mccutcheon-RKIBGByrDrc-unsplash.jpg

Photo by Sharon McCutcheon on Unsplash

Não te esqueças de acompanhar as Crónicas da Cidade dos Leões no Instagram e no Facebook: há muita coisa a acontecer por lá.

Se por acaso o conteúdo deste texto te agradar não deixes de o partilhar com familiares e amigos.

1 comentário

Comentar:

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.